Soldados israelenses encontram corpos de 40 bebês, alguns deles com a cabeça decapitada

Corpos de bebês israelenses, incluindo alguns com as cabeças decepadas, foram encontrados por soldados das Forças de Defesa de Israel (FDI) em um kibutz, que é uma comunidade agrícola, no sul de Israel. A informação é do jornal francês i24.

De acordo com a mídia francesa, os soldados israelenses descobriram os corpos entre casas incendiadas, móveis espalhados e carros incendiados depois que terroristas do Hamas atacaram o kibutz Kfar Aza, perto da fronteira com a Faixa de Gaza.

“Conversando com alguns dos soldados aqui, eles dizem que o que testemunharam enquanto caminhavam por estas comunidades foram corpos de bebés com as cabeças cortadas e famílias baleadas em suas camas. Podemos ver alguns desses soldados agora, confortando uns aos outros”, disse uma jornalista do i24 em vídeo divulgado nas redes sociais.

Kfar Aza foi uma das áreas mais atingidas quando terroristas do Hamas atacaram Israel na manhã do último sábado (07).

As tropas de Israel iam agora de casa em casa para recuperar corpos de civis em sacos para cadáveres.

Eles não haviam conseguido pegá-los antes, pois ainda lutavam contra os terroristas armados e trabalhavam em armadilhas para o Hamas.

Em comunicado divulgado nesta terça (10), o major-general israelita Itai Veruv disse: “Vemos os bebés, as mães, os pais, nos seus quartos, nas suas salas de protecção e como o terrorista os mata. Não é uma guerra, não é um campo de batalha. É um massacre, é uma atividade terrorista. É algo que nunca vi na minha vida. É algo que costumávamos imaginar dos nossos avós, avós no pogrom na Europa e em outros lugares. Não é algo que acontece na nova história”.

Fonte: Gazeta Brasil

Postado em 10 de outubro de 2023 - 18:43h