Israel: brasileiro ferido foi atingido por estilhaços de granada

Em meio a onda de ataques em Israel e na Faixa de Gaza, após ofensiva do grupo extremista islâmico armado Hamas, o Itamaraty informou neste sábado (7/10) que um brasileiro estava ferido e dois estavam desaparecidos no país. Eles estavam em uma festa rave no sul de Israel, quando o local foi alvo de bombardeio e ataques durante a madrugada.

Felipe Jurek e o amigo Rafael moram e trabalham no país. Felipe estava em Tel Aviv quando recebeu uma mensagem de Rafael falando sobre o bombardeio. Ele viajou 40 minutos em meio aos ataques para resgatar o amigo em Beer Sheva.

“Assim que eles começaram a ouvir as explosões, encerraram a música, todo mundo começou a correr para tudo o que é lado, começaram a ouvir tiros, e aí eles correram para um bunker. Chegaram a matar policial, tacaram granada dentro do bunker”, contou Felipe ao Jornal.

Quando Rafael foi resgatado do bunker pela polícia, em estado de choque, ele conseguiu enviar uma foto e sua localização para o amigo. “Ele falou que viu pessoas queimando, viu pessoas levando tiro e foi feio, foi bem ruim a coisa”, relatou Felipe.

Rafael foi transferido para um hospital na cidade de Haifa, devido a lotação dos hospitais em Beer Sheva. “Tiraram ele e mais algumas pessoas, mas não foi todo mundo que sobreviveu desse bunker”, finalizou Felipe, que encontrou o amigo muito ferido, mas consciente.

FOCOELHO

Postado em 8 de outubro de 2023 - 10:19h